Elaboramos prévias de todas as 20 equipes para você já ir se preparando para a temporada de 2019 da Liga Overwatch.

Florida Mayhem

Entrou na Liga Overwatch em: Julho de 2017

Divisão: Atlântico

Calendário:

Uniformes de mandante e visitante:

Redes sociais:   Twitter @FLMayhem    Instagram @FLMayhem    Facebook  FloridaMayhem

Lema: #BringTheMayhem

Equipe de base: Mayhem Academy

Retrospectiva de 2018

Com um elenco central formado por ex-jogadores da Misfits, a Mayhem teve um começo difícil na primeira temporada da Liga Overwatch. Na 1ª Fase, a Mayhem perdeu seis vezes sem levar nenhum mapa e só venceu um confronto, contra a Shanghai, a única equipe sem vitórias na temporada inteira. Ela melhorou um pouco na 2ª Fase, vencendo um total de três partidas. A campanha de 2 vitórias e 8 derrotas na 3ª Fase deixou a equipe perto da rabeira na tabela da temporada, mas ela pelo menos dava sinais de melhoria e vencia mais mapas em seus confrontos. A 4ª Fase foi uma repetição da 1ª, já que a única vitória da equipe foi mais uma vez contra a Dragons. A Mayhem encerrou a temporada com uma campanha de 7 vitórias e 33 derrotas, um saldo de mapas de -78 e o 11º lugar na classificação.

Estatísticas e classificação da equipe na Liga em 2018

GOLPES FINAIS POSIÇÃO NA OWL ELIMINAÇÕES POSIÇÃO NA OWL MORTES POSIÇÃO NA OWL DANO A HERÓIS POSIÇÃO NA OWL
28,37 11ª 68,56 11ª 38,40 11ª 33.986,13 11ª
  
DANO RECEBIDO POSIÇÃO NA OWL CURA POSIÇÃO NA OWL SUPREMAS USADAS POSIÇÃO NA OWL ELIMINAÇÕES COM SUPREMAS POSIÇÃO NA OWL
9.349,41 17.611,65 10ª 31,40 3,16

12ª
Todas as estatísticas são a cada 10 minutos.

Análise do elenco

Descubra o que a equipe de transmissão acha do plantel da Mayhem.

Mais: Elenco de 2019

Chaves para o sucesso

O analista da Liga Overwatch Josh “Sideshow” Wilkinson conta em que aspectos ele acha que a Florida precisa se concentrar nesta temporada:

  • 2019 precisa ser o início de uma trajetória ascendente para a Florida Mayhem. A administração da equipe fez as maiores mudanças da liga, mantendo apenas um jogador do elenco original e trazendo uma mistura de talentos, em sua maioria coreanos. É bom que o trabalho dos olheiros tenha sido excelente. O desempenho desses novos nomes oscilava no passado, então os fãs da Florida precisam torcer para que o gerente geral Matt Akhavan, o gerente assistente Scott “Bearhands” Tester e o técnico Hyun-Jin “r2der” Choi tenham descoberto talentos ocultos.
  • A retaguarda de suportes foi um problema considerável da Mayhem na temporada inaugural, e a equipe acertadamente fez melhorias este ano, mas não foi tão longe. A Florida precisa que Hyeon-Woo “Hagopeun” Jo e Jun-Su “Kris” Choe voltem ao seus auges para que essa retaguarda seja forte na Liga Overwatch.
  • Jeong-Woo “Sayaplayer” Ha é a óbvia estrela da equipe, conhecido por suas jogadas inacreditáveis com Widowmaker e McCree, muitas vezes capaz de decidir lutas sozinho. A administração da Florida poderia muito bem fazer uma cirurgia preventiva nas costas dele, já que vai carregar o time com seu talento individual inacreditável.
  • A Mayhem está na Divisão do Atlântico, que no geral parece ser a mais fraca das duas, mas conta com três equipes fortíssimas: London, New York e Philadelphia. Tirando essas três, a Mayhem deve tentar capitalizar o fato de que enfrentará as outras equipes do Atlântico duas vezes na temporada, ganhando mais oportunidades para obter resultados contra equipes que talvez fiquem na parte de baixo da tabela. O dia 17 de março em especial pode ser fundamental para a Florida, quando encerra a 1ª Fase contra a Washington Justice.

Acompanhe o jogo de abertura da Florida Mayhem na temporada contra a Atlanta Reign em 15 de fevereiro, quinta-feira, às 23h30 (horário de Brasília). Todos os confrontos da temporada de 2019 serão disponibilizados ao vivo e sob demanda em overwatchleague.com, no aplicativo da Liga Overwatch, em nosso canal na Twitch, em MLG.com e no aplicativo da MLG.

Mais dossiês das equipes: