Elaboramos prévias de todas as 20 equipes para você já ir se preparando para a temporada de 2019 da Liga Overwatch.

Houston Outlaws

Entrou na Liga Overwatch em: Setembro de 2017

Divisão: Atlântico

Uniformes de mandante e visitante:

Redes sociais:   Twitter @outlaws    Instagram @OutlawsOW    Facebook  OutlawsOW

Retrospectiva de 2018

Embora o elenco da Outlaws na temporada passada tivesse bastante talento, o maior desafio da equipe foi a irregularidade. Na 1ª Fase, ela parecia ser uma candidata ao título, registrando uma campanha de 7 vitórias e 3 derrotas e chegando à final da fase, quando perdeu para a London na primeira rodada. Na 2ª Fase, a Outlaws caiu para o meio da tabela, com uma campanha de 5 vitórias e 5 derrotas. A queda continuou na 3ª Fase: o time sofreu e ficou com 4 vitórias e 6 derrotas. A Houston se recuperou na 4ª Fase com uma campanha de 6 vitórias e 4 derrotas, flertando com os playoffs da temporada até morrer na praia. Apesar da montanha-russa de resultados, a Outlaws encerrou a liga com uma campanha positiva (22 vitórias e 18 derrotas) e no sétimo lugar geral.

ESTATÍSTICAS E CLASSIFICAÇÃO DA EQUIPE NA LIGA DE 2018

GOLPES FINAIS POSIÇÃO NA OWL ELIMINAÇÕES POSIÇÃO NA OWL MORTES POSIÇÃO NA OWL DANO A HERÓIS POSIÇÃO NA OWL
33,26 77,46 34,14 34.642,94
  
DANO RECEBIDO POSIÇÃO NA OWL CURA POSIÇÃO NA OWL SUPREMAS USADAS POSIÇÃO NA OWL ELIMINAÇÕES COM SUPREMAS POSIÇÃO NA OWL
8.269,74 18.240,64 32,95 3,68
Todas as estatísticas são a cada 10 minutos.

Análise do elenco

Descubra o que a equipe de transmissão acha do plantel da Outlaws.

Mais: elenco de 2019

Chaves para o sucesso

O analista da Liga Overwatch Josh “Sideshow” Wilkinson conta em que aspectos ele acha que a Houston precisa se concentrar nesta temporada:

  • A Outlaws não fez nenhuma mudança de elenco na pausa da liga além de assinar com Dante “Danteh” Cruz. A Houston está apostando nas vantagens do entrosamento e de um ano de experiência na competição, e espera que isso dê resultado. Para sair na frente das novas equipes, a Outlaws precisa começar voando, sem deixar que as outras a alcancem. Fique de olho no confronto de abertura contra a Toronto Defiant e a partida da 2ª semana contra a Hangzhou Spark para ver se esse será o caso.
  • Um grande problema da Outlaws na temporada inaugural foi o repertório de heróis de seus jogadores de DPS. Com Danteh no elenco e um longo intervalo para treinar, é essencial que a linha de DPS da Houston esteja preparada para jogar com uma série de heróis e estilos do metajogo.
  • Outra grande chave para o sucesso da Houston é Austin “Muma” Wilmot. Na 1ª Fase e no início da 2ª, quando seu estilo de flanquear e interceptar sozinho com Winston estava em alta, ele parecia ser um dos melhores tanques principais da liga. Quando foi forçado a jogar com um mergulho mais direto ou estava concentrado demais, passou em branco. Muma precisa ampliar seu talento para abarcar outros estilos de jogo, senão a Houston terá que torcer para que seu estilo de sempre seja eficaz nas atualizações relevantes.
  • Para a Outlaws, o sucesso não inclui apenas os resultados das partidas, mas também a comercialização. Na 2ª Fase, quando a equipe jogará contra a Fuel em Dallas para encerrar o primeiro Fim de Semana Homestand, o foco também estará na rivalidade regional entre as duas equipes texanas. Para a franquia, vencer esse jogo pode ser a chave para empolgar os torcedores e obter sucesso em longo prazo.

Acompanhe o jogo de abertura da Houston Outlaws na temporada contra a Toronto Defiant em 15 de fevereiro, sexta-feira, às 22h (horário de Brasília). Todos os confrontos da temporada de 2019 serão disponibilizados ao vivo e sob demanda em overwatchleague.com, no aplicativo da Liga Overwatch, em nosso canal na Twitch, em MLG.com e no aplicativo da MLG.

Mais dossiês das equipes: